Análise do jogo Daytona USA

Análise do jogo Daytona USA

8 de Dezembro, 2020 0 Por Markus

Por: Augusto Aragão

Ficha do Jogo:
Avaliação:
NOTA: 9.0

Ficha Técnica:
Gênero: Corrida
Desenvolvedora: Amusement Vision Genki
Publicadora: Sega, Hasbro Interactive (Japão e América do Norte) Infogrames (Europa), TecToy (Brasil).
Plataforma: Dreamcast

Ladies and gentlemen, start your engines!

Ora ora ora, um dos maiores clássicos da Sega é relançado para o DC, numa versão muito superior ao arcade original e, como visto na clássica frase, politicamente correta…

O jogo Daytona USA trouxe aos arcades um estilo de corrida furioso, com muita velocidade e música radical. Pode-se dizer que o jogo foi completamente remodelado dentro das capacidades do DC (vulgo placa Naomi), trazendo o mesmo visual básico, carros, cenário, visões e realismo. Se a versão do arcade e do Saturn já eram boas, esta aqui está alucinante! É importante enfatizar que esta versão do DC foi remodelada à partir da versão CCE (Championship Edition) do 32 bits da Sega. Obviamente o jogo apresenta detalhes exclusivos.

Rolling start!!!

Olhando o jogo pela primeira vez o fã da série vai se surpreender com o visual mais detalhado, colorido e bem rápido, fluindo a 60fps! Todos os detalhes no cenário e nos carros são renderizações em alta resolução e em nenhum momento granulam ou ficam apagadas no fundo da tela. Tudo flui em tempo real!

Este aspecto visual é reforçado por detalhes clássicos nas pistas como o caça níqueis, o entalhe do sonic na rocha ou a estátua de Jefry Macwild. Tudo está intacto e com outros detalhes nas pistas como o nome Daytona no gramado, a água e as placas de patrocinadores. Nenhum destes e outros são perdidos no modo para dois jogadores!

Além das cinco pistas o jogo apresenta três pistas novas e uma é um oval que lembra muito o circuito de Indianápolis. Como nas versões anteriores, cada pista representa um grau de dificuldade e conta com um número próprio de carros disputando a pole (a média é de 20 carros por pista). Detalhes como as marcas de pneu ficam presentes nas pistas.

Os clássicos carros da série como o Hornet e Grasshopper estão presentes além de modelos novos, alguns só habilitados sob certas condições. Cada um conta com suas características (os quesitos são aceleração, velocidade e aderência) e todos podem ter as cores ajustadas, pneus mudados ao gosto do jogador, bem como a marcha. Visualmente estão muito bem feitos, com rodas bem independentes e reflexos ativos sobre a carroceria e vidros. Quando batem ou raspam é possível conferir os danos na lataria e na pintura! Muito mais realista!!!

É possível escolher diversas visões em terceira pessoa e duas em primeira. Todas garantem muito realismo e dão uma clara sensação de velocidade ao jogo. Escolha e delire!

Um dos aspectos que melhorou sensivelmente foi o dos efeitos sonoros, que se mostram mais ricos e nítidos. O maior número de canais do DC faz com que fiquem bem diferenciados. As vozes digitalizadas estão melhores, especialmente a do chefe da equipe que lhe informa sobre a posição, que está queimando os pneus e outras. O detalhe é que a voz dele está mais aguda não está tão empolgante. Os demais sons como batidas, capotagens, derrapagens, ruídos de motor e outros não interferem na música. Infelizmente a visão dentro do carro não conta com um som mais “abafado”, que dava mais realismo. É apenas um detalhe, mas que alguns vão sentir.

Quem conhece a série Daytona sabe como a música é um rock bem americano, contando com diversos vocais. Aqui o jogo resgata diversos temas famosos da série, que agora estão remixados. Algumas das músicas são adrenalina pura, mas alguns vocais se mostram irritantes. Felizmente o jogo permite ajuste do volume.

Um detalhe que pode incomodar de início é que o direcional é muito sensível (alto steering), fazendo com que o carro feche demais nas curvas ao mais leve toque. No trouble: basta ajustar a sensibilidade no options do jogo e se vai ser usado o direcional ou analógico. Há ainda possibilidade de posicionar o acelerador, freio e mudança de marchas (se for manual).Este é um jogo obrigatório para todos os fãs de corridas no DC. Oferece não apenas o clássico modo arcade como também há um modo single, championship e até online. É isso aí: o jogo pode ser curtido em rede! Os replays são tão realistas que vão fazer o jogador pensar que está vendo uma transmissão de TV!!! Se você quer velocidade e a qualidade da Sega, não há o que duvidar deste jogo de stock cars!!! Pé na tábua… digo, no controle!!