Top 10 jogos com as capas mais feias

Top 10 jogos com as capas mais feias

27 de Agosto, 2021 0 Por Allan Lima

Diz um famoso ditado popular que a primeira impressão é a que fica e isso pode muito bem valer para os jogos no que diz respeito à arte de capa. Claro, assim como não devemos julgar um livro pela capa, o mesmo tem que ser dito dos games, mas pense você que antes da era da internet as informações disponíveis sobre um jogo eram escassas, basicamente dependendo inteiramente de revistas de videogame que nem sempre iriam conseguir cobrir todos os jogos, então ao ir em uma locadora, tudo o que você poderia fazer era justamente escolher pela capa. Nos dias de hoje as capas ainda exercem sim um papel fundamental, pois embora já não tenham tanto poder sobre nosso poder de escolha, elas ainda podem ter um certo peso na identidade visual de um jogo, especialmente para fins de marketing.  

Mesmo com toda essa importância a cerca das capas, algumas empresas faziam um trabalho digamos… questionável. Hoje trazemos uma lista com as 10 capas mais feias, então prepare-se para um verdadeiro show de horrores que fará você questionar o que se passava na cabeça dos criadores. 

10 – Super Bust-A-Move (Playstation 2, 2000) 

Super Bust-a-Move é um jogo de puzzle muito parecido com esses jogos de estourar bolha que ficaram muito populares com o advento dos jogos casuais para celulares, como o Bubble Shooter. Em termos de gameplay não há muito o que falar, mas o destaque mesmo é a capa do jogo, que levanta muitas questões. Por que colocaram um bebê na capa em um ângulo todo estranho? O que é isso na boca dele? Seria uma bolha do jogo? Por que colocaram o título do jogo na testa do pobre coitado? Bom, só nos resta apreciar essa obra de arte pois nossas respostas nunca serão respondidas. 

9 – Irritating Stick (Playstation, 1998) 

Provavelmente a capa mais literal que eu já vi. “Bastão irritante”, com uma capa de alguém segurando um… bastão. Irritante, provavelmente. Na verdade, o jogo tenta reproduzir aquelas gincanas que se via em programas de domingo a tarde, onde a pessoa tentava passar algo por um caminho sem encostar nas bordas. A capa é feia, mas ao menos se esforça em passar alguma informação sobre do que se trata o jogo. 

8 – Legend of Camelot (Playstation 2, 2007) 

Legend of Camelot é um jogo de ação lançado para Playstation 2, publicado por uma empresa chamada Phoenix Games, que ganhou uma certa fama por publicar apenas jogos ruins, com capas piores ainda. É difícil achar informações desse jogo internet a fora (o que por si só já não é bom sinal), mas a capa também não nos motiva a ir muito à fundo, convenhamos. A mesma assassina a boa imagem que temos da lenda de rei Arthur, com uma das piores artes em CGI que eu já vi. 

7 – Snow White and the Seven Clever Boys (Playstation 2, 2006) 

Mais um jogo publicado pela Phoenix games, o que me faz pensar que ela provavelmente fazia essas capas horrorosas de propósito. O jogo traz algumas atividades básicas para crianças, como pintar um desenho ou montar um quebra cabeça, nada muito digno de nota. O que chama a atenção mesmo é, novamente, uma arte em CGI porcamente feita, que mais parecem uns desenhos que eu vejo na TV com uns trabalhos em CGI bem questionáveis, mas aqui no caso bem piorado e sem vida. Terrível. 

 6 – Metro Cross (Comoddore 64, 1985) 

Nada melhor do que representar um jogo de ação e plataforma com um cara andando de Skate em uma roupa de lycra azul, com um fundo xadrez e uma expressão er… estranha, por falta de uma palavra melhor. Bom, ao menos o jogo aparenta ser excelente, tendo sido bastante popular nos arcades e eventualmente portado para Commodore 64.

5 – Tongue of The Fatman (PC/DOS,1989)

Essa capa me lembra uma zoeira na internet que eu vi a algum tempo, onde a galera estava pegando narizes e fazendo um desenho para se parecer com as tartarugas ninjas. Mas uma coisa é fazer isso em uma zoeira qualquer de internet, outra é colocar na capa do seu jogo; o designer pensou que realmente isso seria uma boa ideia e o resultado é essa coisa horrorosa aí. Ah, e o jogo? Bom, é um jogo de luta, mas você levaria a sério um jogo de luta com essa capa?

4 – Mega Man (NES,1987) 

Ah, um clássico quando o assunto é capas feias no mundo dos games. Mega Man como jogo dispensa apresentações, pois é simplesmente um dos jogos mais icônicos e importantes da história dos Videogames. Mas a versão americana da capa também fez história à sua maneira, com uma arte que parece ter saído de alguma aula de arte da 8ª série e que na verdade não representa em nada o jogo em si. Colocaram uma arma na mão ao invés do Mega Buster, um cara de meia idade vestido em uma roupa amarela e azul em uma posição toda esquisita e um fundo que aparenta ser uma ilha tropical ou algo assim. Não tente entender, apenas aprecie. 

3 – Paccie (Playstation 2, 2004) 

Sim, Phoenix Games novamente. Aqui temos um caso interessante pois na verdade o jogo nunca foi lançado, e muitos teorizam até que ele nunca existiu de fato, sendo apenas um meio da empresa encher o catálogo. As informações sobre o jogo são escassas, tendo apenas algo sobre uma possível data de lançamento e que o jogo seria uma cópia mal feita de Pac-Man. Bom, seja lá como for, esse CGI extremamente tosco e inacabado aliado a um design porcamente feito de um projeto de cópia do Pac-Man merece com honras abrir o nosso pódio.

2 – Xenon 2 Megablast (Amiga, 1989) 

Xenon 2 Megablast é Shoot ’em up bastante bem avaliado por quem o jogou, mas a capa de versão de Amiga definitivamente não mostra seu potencial, além, é claro, de não representar nada sobre o jogo em si. Olhar a arte dessa capa te dá a sensação de que você está sob o efeito de Drogas e o peixe aparentemente usou um LSD também, a julgar pela sua cara. Chega a doer os olhos olhar para essa coisa, então a medalha de prata é mais do que justa.

1 – Karnaaj Rally (GameBoy Advance, 2003) 

Eu genuinamente gostaria de entender o por quê usaram uma foto de um cara que aparenta ter sido fotografado em meio a uma queda ou algum outro momento constrangedor, para colocar na capa de um jogo de corrida. Minha teoria é que tiraram essa foto do estagiário e colocaram na capa do jogo apenas para zoar o pobre coitado. Se você ficar olhando muito fixamente para esse rosto é capaz até dele aparecer em seus pesadelos, então pelo conjunto da obra e pela aleatoriedade, essa capa leva o nosso primeiro lugar como a mais feia já feita. 

Lembra de alguma capa feia que você tenha visto e que acha faltou em nossa lista? Discorda de algo? Comente abaixo!