Análise (Review) de Touryuu Densetsu Elan Doree

Análise (Review) de Touryuu Densetsu Elan Doree

16 de Junho, 2022 0 Por Markus

Por: Augusto Aragão

Ficha do jogo:
Desenvolvedora: Sai-Mate
Publicadora: Sai-Mate
Gênero: Luta
Plataforma: Sega Saturn

Se você gosta de dragões e também de lutas 3D, então este jogo é o que você quer! Produzido pela Sai-Mate, o jogo introduz um padrão diferente de luta 3D e reúne ainda uma série de desenhos bem ao estilo japonês.

Aqui o jogador vai ser um “dragoneiro”, isto é, um domador de dragões. Há vários tipos de dragões, alguns de elementos como veneno, trovão, ar (vento), fogo e terra. Outros são regidos de acordo com seu dragoneiro, tendo-se magos, cavaleiro negro, espadachin e até esteticista.

A estrutura do jogo é simples: escolher um de dez personagem possíveis, enfrentar oito adversários e o chefe, em duas etapas. O sistema de batalha se baseia no fato dos dragões e dragoneiros lutarem como um só. Há golpes que só os dragoneiros desferem e que só os dragões fazem. Contudo a barra de energia é única. Há outra barra, que representa o poder do dragão e que se ela estiver vazia, o animal não poderá soltar ataques. Para carregá-la basta pressionar e segurar o botão B. Mas fique atento que você fica vunerável neste momento.

Um detalhe interessante é que os dragoneiros podem pular para desferir ataques. Entretanto, também podem cair do dragão e se tornam um alvo fácil no chão. Fique esperto! O jogo apresenta diversos golpes, magias e combos. Há também movimentos de esquiva (basta apertar para cima ou para baixo) e dash.

A parte gráfica é bem feita e diferenciada: os dragões e dragoneiros são poligonais enquanto que o background é feito a mão. Os dragões são bem feitos e alguns são realmente estranhos. Já os dragoneiros ficaram muito “geométricos”. Mas estão bem renderizados e as faces possuem expressão. O aspecto negativo delas é que não movimentam os lábios quando falam. O chão também é poligonal e muito bem renderizado.

Os backgrounds são muito bonitos, combinando com cada personagem que apresentam. Há cenários de castelos, arenas , salões, e jardins. Eles satisfazem aos olhos.

Este jogo apresenta duas palhetas musicais: original e arrange. Particularmente elogio as músicas mixadas, que são muito mais empolgantes! O estilo é tecno, mas algumas são sinfônicas, orientais e até árabes. Há uso de instrumentos como guitarras, flautas, piano, xilofone, koto e biwa. Para os que gostam de uma música variada, Elan Doreé vai agradar.

Os efeitos sonoros é que pecam no jogo, especialmente as vozes que anunciam os rounds, vitórias e game over. Elas ficaram com uma qualidade baixa. As demais vozes dos personagens estão bem audíveis, mas estão em japonês (algumas tem termos em inglês). Também os sons dos dragões são um pouco limitados, assim como os das magias. Eles não chegam a irritar, mas se repetem.

Nos jogos de luta 3D, costuma haver uma dificuldade em combinar mudanças de plano com sequências de golpes. Neste jogo a jogabilidade é muito boa. Há apenas dois botões de ataque e várias magias causam múltiplos danos. Com o botão e A e o B, é possível fazer combos diversos. Pressionando os dois ao mesmo tempo, o dragão desfere uma poderosa magia. Há um número ao lado da barra de D-Power, que indica o nível das magias.

Este jogo representa uma ótima opção de luta 3D no saturn. É um estilo diferente de luta, com dragões para agradar todos os gostos. Curta também os desenhos dos personagens, bem ao estilo anime!